Maquete do Mi-24

O Serviço Combinado de Alvos Aéreos britânico

by PFF on 19 de agosto de 2012

O Combined Aerial Target Service (CATS) é uma iniciativa do Ministério da Defesa britânico para unificar e racionalizar o emprego de simuladores de ameaças aéreas para as três forças armadas.

O estudo se iniciou em 2001, mas ele só foi efetivado em 2006. Hoje, o CATS opera alvos que simulam helicópteros de ataque, aeronaves a jato e a pistão e até mesmo mísseis de cruzeiro, proporcionando adestramento para a artilharia antiaérea do Exército, defesa anti-mísseis para a Marinha e combate ar-ar para a Força Aérea.

O CATS em si é um contrato. A empresa que fornece o serviço atualmente é a QinetiQ. Ela é responsável por fornecer os alvos dentro dos requisitos estabelecidos pelo Ministério da Defesa e operá-los onde quer que seja realizado o exercício (inclusive nas ilhas Falklands).

Talvez o que mais chame a atenção – embora seja um dos mais simples – seja a maquete do Mi-24 (na foto que ilustra este artigo). Ela é montada sobre uma base pantográfica e simula a aeronave realizando uma manobra de pop-up.

Vale ressaltar também que essa operação de alvos aéreos é uma situação totalmente desconectada da operação de VANTs. Eu já presenciei em algumas situações, gente confundindo uma coisa e outra pela semelhança dos meios.

Referência: Combined Aerial Target Service (CATS)

(H/T MTS, que me enviou os links)

About

Oficial do Exército Brasileiro e editor do site Voo Tático